Sunday, May 24, 2009

Be Kind Rewind

As credenciais eram ótimas. Além da presença de Jack Black, o filme contava com uma idéia que, por si, já fazia rir. Depois de um acidente, o protagonista desmagnetiza todas as fitas VHS de uma locadora que, pra complicar, está em sérias dificuldades financeiras. Para driblar Mia Farrow na pele de uma cliente exigente e evitar que o chefe descubra o baita preju que deram, Jack e seu amigo resolvem filmar, em uma tarde, uma versão caseira de Ghost Busters.  O que eles não poderiam imaginar é o sucesso que a fita faria entre os sobrinhos truculentos da véia, que já, no dia seguinte, baixam na locadora para pedir uma versão alternativa para Hora do Rush 2. Dias depois, já há, na porta da locadora, fila de clientes ávidos por versões "suecadas" de clássicos da sessão da tarde. Em vez de aproveitar a deixa para nos apresentar outras sequências divertidas a partir de títulos como Robocop e Conduzindo Miss Daisy, o filme simplesmente sai do trilho, completamente descarrilhado. Mostra pouquíssimo das versões toscas que os personagens criam e culmina com um inexplicável final melodramático, que me fez lembrar aquele filme que fez a fama do Tornatore. Pois é, se tiver oportunidade, deixe o DVD da prateleira da locadora, ou economize memória do seu computador. Minha teoria é que a bobagem foi escrita durante a greve dos roteiristas. Ao menos, seria uma boa explicação.
Se minha advertência não lhe desanimar, não deixe de conferir: Jack Black também usa a camiseta dos lobos. 

2 comments:

deni said...

Ai, eu gostei...de tudo, até do final melodramático. Antes tivesse assistido esse filme de novo do que as duas bombas que eu loquei nesse final de semana!!Mas, cadum, cadum...
O que salvou o findi foi a descoberta do site Funnyordie e de 4 novos episódios de Family Guy...

Vivi said...

Quais foram as bombas da semana? Diga aê! ^_^